Seguidores

quarta-feira, 23 de junho de 2010

NAXOS

Fica no mar Egeu e é a maior das Cíclades. Tem cerca de 450 Km2.

No pino do Verão é completamente impossível andar descansadamente por aquelas bandas ,principalmente assim que a tarde acaba até de madrugada.

Tem boas praias, de areia branca e fina(algumas ilhas têm muitas pedrinhas na praia, o que poderá ser bonito nas fotos mas doloroso para os pés mesmo na entrada e saída da água).

E uma das coisas que se vê logo à chegada ao porto é o Portal de Apolo.

Ao longo da marginal, na zona dos restaurantes, cafés e afins, podemos ver o polvo fresco pendurado a secar.

Vale a pena partir à descoberta de pontos de interesse no interior da ilha.Visitar pequenas aldeias perdidas entre pequenos montes ou encravadas em alguns vales. Ver como vivem as pessoas e quais os seus hábitos, porque não são só as cidades e zonas mais turísticas que merecem a nossa visita.

Por aqui também abunda o azul nas portas e janelas das casas. Um belo contraste com o casario tão branco! Há flores em todo o lado. Elas fazem parte do cartão de visita de qualquer ilha deste belo país.
(foto tirada do Portal de Apolo sobre a cidade)

Outra vista sobre a cidade

Numa pequena aldeia do interior da ilha.
Aqui, onde as ruas são bem estreitas, não existem automóveis. As motas e as motoretas são o meio de transporte de pessoas e bens.
Quando alguém morre. as exéquias são anunciadas em cartazes e colocados nas árvores e muros .Muitas vezes estes cartazes têm a foto do defunto.
As praias têm vastos areais e a areia é branca e fina ( o que não acontece em muitas ilhas pois em vez de areia há pedras e pedrinhas.
O terço Grego ou combóloi .Além de servir para rezar,também o usam para aliviar o stress. Há modelos diferentes para homens e mulheres.
Por aqui, os contadores da luz ainda são de modelo bem antigo

E que dizer dos contadores da água?
Para finalizar, esta é a "exposição" de rua da mercearia mais antiga de Naxos.Aquela cujo vídeo está na postagem a seguir.
Ela faz parte dos postais da ilha. O dono, um ancião, muito bem disposto, com uns 90 anos muito bem vividos, passa o dia sentado, á beira do passeio, junto ao bidon dos amendoins. Convida os turistas a comerem com ele. Mas à minha filha ofereceu-lhe uma rosa. Os vizinhos do outro lado da rua bateram palmas. O velhote riu-se. Parece que é costume ser assim.
Em novo devia ser jeitoso!



NAXOS-COMÉRCIO TRADICIONAL

video